Pesquise No Blog

Loading

domingo, 16 de dezembro de 2012

Globalização: alguns apontamentos

Caros leitores do blog, 

O post de hoje é para atender a um pedido que me chegou por e-mail, mas que não tem nome, sobre o tema globalização. Deixo no texto abaixo as minhas contribuições sobre o assunto e convido vocês a fazerem o mesmo nos comentários. 

Lembrando que vocês podem enviar suas críticas e sugestões para geografia.contemporanea@yahoo.com.br e eu atenderei o mais rápido possível. 



Globalização

O que é?

  • É a Junção dos meios de transporte com os meios de comunicação, possibilitando uma rápida circulação de mercadorias, pessoas e capital (dinheiro) pelo mundo.


Histórico

  • O primeiro movimento da globalização ocorreu no século XIV, com as grandes navegações, dado a intensa troca de mercadorias que começava a se dar na época; especialmente entre a Europa e as Índias.

  • O segundo movimento começa com a Revolução industrial, dado que a produção de mercadorias se tornaria mais intensa, bem como a circulação entre elas graças a invenção do barco a vapor.

  • O terceiro movimento é o atual, onde a troca é intensa graças a informática, a melhoria significativa dos transportes e a junção de ambos.


Causas e efeitos da Globalização


A organização do mundo em blocos econômicos.

  • Com a troca de mercadorias numa velocidade extraordinária, os países, para se defenderem no aspecto econômico, resolveram se organizar em blocos econômicos numa tentativa de resguardar sua economia da competição desleal com outros países, como por exemplo, a China que consegue vender produtos mais baratos graças a sua mão de obra abundante.

  • Através de acordos feitos nesses blocos, como tarifa alfandegária comum (o que significa que os países trocarão mercadorias entre si com as taxas iguais entre todos) Os países conseguiram, em parte, proteger suas economias.


Aumento do “abismo social"

  • Com a expansão e intensidade das trocas comerciais a possibilidade de expandir fortunas tornou-se ainda maior, visto que a possibilidade de negociar com os mais diversos mercados tornaram - se mais palpáveis. Por esse lado, os que eram mais ricos se tornam mais ricos e os que eram pobres se tornaram mais pobres ainda; principalmente por conta de uma nova onda que surgira: a terceirização.


Terceirização

  • Fenômeno que ganhou força durante a atual era da globalização consiste na contratação de empresas por outras empresas para a realização de certas tarefas, como limpeza, por exemplo.

  • A empresa que contrata a terceirização lucra, pois, voltando ao caso da limpeza, ela não arca com os custos de material de limpeza, contratação de funcionários e nem responde por reivindicações da categoria.

  • Já a empresa contratada lucra, pois oferece salários baixos aos seus contratados, que raramente tem carteira assinada. O que lhes possibilita oferecer salários baixos é a alta quantidade de mão - de - obra que, por sua vez, se submete a esse tipo de serviço para não ficar desempregada.


Homogeneização X Diferenciação

  • Quando a onda da globalização tomou vulto, isso na metade de século passado, acreditava-se que o mundo seria homogeneizado por uma cultura dominante (sim, é a norte - americana) e que todos teriam os mesmos gostos, nos vestiríamos e nos comportaríamos da mesma forma... Como se fôssemos fabricados em série, como carros. Porém, a globalização encontrou resistências a essa tendência homogeneizadora... Nem todos entraram nessa onda homogeneizante e ofereceram suas resistências a ela. Num primeiro momento o capitalismo até que forçou uma barra para se impor, mas, depois percebeu que também conseguiria entrar nesses nichos de mercado, gerando assim a glocalização.


" Glocalização"

  • Criada essa resistência a onda homogeneizante do capitalismo, o mesmo se viu diante de uma situação em que teve que se adaptar aqueles que não sucumbiram a sua tentativa de uniformizar o mundo.

  • Exemplos dessa adaptação por parte do capitalismo são a implantação do Mc Donald's na Índia que faz as carnes dos seus hambúrgueres com carneiro ao invés de boi (tem gente que acha que é minhoca, mas isso é outra historia) , visto que a vaca é sagrada neste pais; ou a Coca - Cola que, quando patrocinou o Grêmio , teve que mudar suas cores para preto e azul ,já que as cores originais da marca -  Vermelho e branco - são as cores do principal rival, o Internacional .

  • Essa resistência a essa onda de homogeneizante do capitalismo, é caracterizado como glocalização


"Planeta pequeno, mundo gigante"

  • Essa expressão nos leva a considerar que o planeta, nos referindo ao aspecto físico da Terra, praticamente encolheu. Nos dizeres de David Harvey, houve uma compressão do espaço-tempo que encurtou as distâncias, principalmente com invenções como o avião e a Internet.

  • Porém, mesmo que o acesso as informações e os deslocamentos sejam rápidos, a quantidade de informações e os deslocamentos sejam rápidos, a quantidade de  informações é enorme. E é ai que o mundo se torna gigante. Por exemplo, você consegue acessar facilmente toda a história da China, mas consegue estudar ela em sua totalidade, sabendo que estamos falando de 5 mil  anos de civilização? É por isso que o mundo então se torna gigante...

Nenhum comentário:

Postar um comentário