Pesquise No Blog

Loading

sábado, 10 de setembro de 2011

África ganha mais um país: Sudão do Sul

A pedido dos leitores do blog que me escreveram por e-mail, aos quais eu agradeço, pois este blog nada seria sem vocês, neste post analisaremos por alto a criação do novo país no continente africano: o Sudão do Sul.

Confesso que já vinha querendo postar algo sobre isto antes, mas estava procurando um vídeo que ilustrasse melhor o meu ponto de vista diante desta situação. O vídeo é este que segue ao final deste post. 

O antigo Estado do Sudão, vinha sendo alvo de uma guerra civil entre o que é hoje o Sudão do Sul e o atual Sudão por conta, basicamente, de dois motivos: A questão religiosa e as divisas de Petróleo. 

A grande maioria da população que compõe hoje o Sudão do Sul é composta de cristãos, já a população que compõe o atual Sudão é composta por muçulmanos. 

Outra questão são as divisas de petróleo, já que a maioria delas estão concentradas onde hoje é o Sudão do Sul.

Pois bem, posto isto, caminharemos agora para como esta independência, com questões pendentes, se concretizou. 

Antes mesmo da independência o país já vivia uma guerra civil há mais de uma década. Acredito eu que pelo mesmo motivo que expus em um post anterior, me referindo a possível divisão do estado do Pará, ou seja, a disputa pelo poder, neste caso em específico, pelo petróleo. 

Apesar do vídeo abaixo falar que a divisão do Sudão foi uma tentativa de terminar com a guerra civil, eu não creio que isso ocorrerá. 

Primeiro porque a questão da divisão dos poços de petróleo entre os dois países não foi definida, como aparece ao final do mesmo. 

Segundo que nada impede que o Sudão ataque o Sudão do Sul, justamente para minar seus poços de petróleo, ou até mesmo que o Sudão do Sul ataque o Sudão sob a alegação de "defender" seu território ou ainda buscar os poços de petróleo que tenham ficado sob território do Sudão.

O que fizeram sob o pretexto de acabar com o conflito, foi "aumentá-lo de escala" ou seja, o que era um conflito interno em um país, agora pode acabar virando uma guerra entre dois países. Já que aqueles que perderam os poços de petróleo não vão deixar de lutar para tê-los de volta e aqueles que agora os controlam, que provavelmente eram os mesmos que controlavam antes quando o Sudão era um só, farão de tudo para ainda ficarem no controle dos poços e não deixar ninguém chegar perto. 

Sendo assim o que provavelmente presenciamos foi uma independência que veio a troco de muita pressão do atual Sudão do Sul para se separar do resto do Sudão e assim controlar as riquezas que estão em seu território, sem ter que reparti-las com o resto do Sudão, concentrando mais ainda a riqueza gerada do petróleo e que lhes fora concedida sob um pretexto de selar a paz entre os dois países. 

Vale lembrar que apesar do Sudão do Sul ser um dos países mais ricos em petróleo, é também um dos mais pobres do mundo. Vemos também neste fato como a distribuição da renda neste novo país já nasce extremamente concentrada. 


Extraído de globovideos.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário