Pesquise No Blog

Loading

sábado, 28 de agosto de 2010

Focos de incêndio pelo país

Focos de incêndio têm se espalhado pelo país, muitas vezes chegando as vias de fato. Isso ocorre devido a massa de ar seco que se instaurou em parte do país diminuindo a umidade do ar e assim facilitando a formação dos incêndios, além também é claro das altas temperaturas que ocorrem nos lugares onde a massa de ar quente está estacionada já que a mesma impede a chegada das nuvens de chuva. Infelizmente, é esperar para ver se essa massa se dissipa ou é carregada pelas correntes atmosféricas.

Mais de 12 mil focos de incêndio são registrados no País nesta segunda-feira (23). Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), dos 12.359 casos em todo o Brasil, o Estado do Mato Grosso lidera no número de ocorrências, com um total de 4.007 focos. Em seguida aparece o Estado do Pará com 3.427casos.




De acordo com a meteorologista Tabiana Weykamp, do Climatempo, a tendência é que esses focos de incêndio continuem crescendo. “Estamos numa época de grande seca nas regiões Centro-Oeste e Sudeste, que influencia significativamente nos números de incêndio. Existe uma massa de ar seco que impede que nuvens de chuva se aproximem da região”, explica.
Ainda segundo a meteorologista, boa parte desses focos é causada propositalmente, fogo que se alastra facilmente com a ajuda da baixa umidade do ar. “Em regiões como o Centro-Oeste não chove desde maio, e isso colabora para que esses focos de queimadas se espalhem mais rápido do que o normal”.
A previsão é que o tempo seco continue nesta semana no Centro-Oeste e Sudeste, já em Estados do Norte e Nordeste devem ocorrer pancadas de chuva, que se estenderão do litoral da Bahia até a região de Natal, no Rio Grande do Norte.



Extraído de ig.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário